Você ainda não aceita pagamento em cartão? Reveja esta ideia!

Pagamento em Cartão de Crédito ou Débito

Cartões de débito e crédito são, possivelmente, as formas de pagamento em maior ascensão nos últimos anos. A praticidade de ter todo o seu dinheiro em um “pedaço de plástico”, aliado a segurança de não precisar andar com uma grande quantidade de notas tendo o risco de ser assaltado tem levado a população a optar por estes meios. Porém ainda são comuns os estabelecimentos que aceitam pagamento apenas em espécie. Se seu negócio se encaixa neste cenário, hoje vamos te explicar as vantagens e os cuidados a se tomar para que você mude de ideia e modernize sua forma de recebimento.

Competitividade e destaque

A primeira e mais clara vantagem é que você, ao aceitar pagamentos com cartões de crédito ou débito, estará um passo à frente dos seus concorrentes que ainda não o fazem.

Dinheiro certo

Se seu negócio recebe pagamentos somente em dinheiro vivo, é bem provável que você já tenha sofrido com mal pagadores que, quando parcelaram suas compras, após um tempo simplesmente sumiram e deixaram com você a dívida. Ou em casos onde o estabelecimento aceita pagamentos em cheque, sempre há a possibilidade de receber o famoso “cheque sem fundo”. Voltando ao pagamento em dinheiro, também não se pode ignorar o risco de receber pelo produto ou serviço com notas falsas.

Em todos estes casos que assume o prejuízo é o empreendedor que depositou sua confiança em alguém de má fé, ou até eu uma pessoa que também foi enganada anteriormente. Aceitar cartões de crédito ou débito reduz consideravelmente todos esses riscos, pois o pagamento feito pela operadora da “maquininha” de cartão é certo.

Segurança e agilidade

Outra clara vantagem em aceitar pagamentos com cartão de crédito ou débito é a menor quantidade de dinheiro vivo que fica armazenado no caixa do estabelecimento, além da redução da necessidade de se ir ao banco fazer depósitos. Você, em seu negócio, sabe do risco que estes dois cenários citados acima causam, pois são atrativos para assaltantes.

Ainda sobre o dinheiro em caixa e os depósitos, a redução de ambos impacta positivamente também na produtividade. O pagamento em cartão não necessita que se gaste tempo contando troco e, ao ir menos vezes ao banco, seu funcionário fica mais tempo à disposição para o trabalho no que de fato dá renda ao seu negócio.

Recebimento e Capital de Giro

Aqui vem uma vantagem atrelada a um cuidado que o empreendedor deve tomar. Como dito anteriormente, você tem a garantia do recebimento das vendas. Em casos de venda com cartão de débito ele acontece no dia seguinte. Já com o cartão de crédito, em compras sem parcelamento você recebe o pagamento após 30 dias. Caso haja parcelamento o recebimento ocorrerá de acordo com a quantidade de parcelas estabelecidas.

Em todos os casos, você deve ficar atento pois não terá o dinheiro logo no momento da venda. Isto impacta em seu capital de giro, então você deve se planejar para que os compromissos do seu negócio sejam honrados mesmo que você ainda não tenha recebido o que está previsto. Há a possibilidade de antecipar este recebimento, porém o procedimento impacta em taxas mais altas a se pagar. Por isso, caso pense nesta possibilidade, analise primeiro outras formas de resolver o problema.

Os sistemas Oficina Integrada e Nuvem Gestor facilitam sua vida ao organizar os valores recebidos, tanto nos cartões como em dinheiro ou cheque. Você pode inserir em cada venda ou ordem de serviço a forma de pagamento escolhida e, no caso de cartões, as respectivas bandeiras. Todas estas funcionalidades, e diversas outras, você tem acesso de forma 100% online, onde estiver, via computador, tablet ou smartphone. Clique aqui e saiba mais sobre os softwares, ou acesse: https://mundomidia.com/default.asp#softwaresgestaoempresas

Nuvem Gestor | Sistema de Gestão Online

Valores e taxas

Obviamente (e infelizmente) toda esta praticidade não seria de graça. Para garantir o funcionamento de toda a rede de pagamento, além dos seus lucros, temos algumas empresas envolvidas e recolhendo taxas sobre o valor que o consumidor pagou pelo seu produto ou serviço. Temos os bancos, as bandeiras dos cartões e a empresa que fornece o aparelho leitor dos cartões. Além disso você possivelmente pagará um aluguel sobre este aparelho, ou o comprará por algum valor.

Todos estes valores variam muito de acordo com as empresas e condições, por isso você deve ter em mente o porte da sua empresa, a quantidade de pagamentos que recebe, bem como seus valores, e buscar a opção que mais se adequa à sua realidade.

Agora é hora de modernizar sua empresa e se destacar no mercado. Conte sempre com nossa ajuda! Envie seu comentário com dúvidas e sugestões.

Oficina Integrada

FAÇA SUA INSCRIÇÃOJunte-se a milhares de empreendedores como você. Faça parte da Lista VIP.