Como ter um fluxo de caixa completo em sua empresa

O fluxo de caixa é uma das ferramentas essenciais par a gestão de qualquer empresa. É por meio dele que você poderá entender como estão suas finanças, prever futuros investimentos, etc.

Além de sua análise periódica ser essencial, isto por si só não garante o impacto positivo esperado na sua gestão financeira. A boa alimentação e manutenção dos dados também é parte importante deste processo.

Entenda o que você precisa se atentar para ter um fluxo de caixa completo em sua empresa, que permita um planejamento financeiro eficiente e que propicie, inclusive, aumento no faturamento e nos lucros.

Nuvem Gestor | Sistema de Gestão Online

Disciplina

Antes de tudo, você precisa entender a importância de se ter disciplina no preenchimento e registro de dados para a alimentação do fluxo de caixa. Sem isso, uma hora ou outra, seus resultados deixarão de ser confiáveis.

Quando tratamos de contas pagas ou recebidas, registre a quitação no momento em que ela acontece, ou não demore muito para fazê-lo. Não conte com sua memória. O mesmo vale para o fechamento de caixa. Feche-o todos os dias, para facilitar o controle.

Tendo disciplina você tem mais chances de não deixar de registrar um dado e, desta forma, as informações do seu fluxo de caixa serão mais fiéis à realidade, gerando uma análise mais completa e precisa.

Período

O fluxo de caixa deve ser analisado de tempos em tempos. Normalmente se faz uma análise mais profunda anualmente, mas isto pode variar de acordo o seu ramo de atuação. Você pode procurar referências com outras pessoas que conhece no setor.

De qualquer forma, é importante ter em mente que analisar o fluxo de caixa com uma frequência muito curta pode te fazer tomar ações desnecessárias. É necessário poder enxergar padrões de comportamento e tendências e, ao analisar mensalmente (por exemplo) você pode tomar decisões equivocadas.

Por outro lado, se você esperar um período muito longo para analisar seu fluxo de caixa, você pode deixar passar oportunidades de tomada de ação que trariam impacto positivo, ou até mesmo ver uma tendência de queda no faturamento quando já for tarde demais.

Previsão

Fluxo de caixa não precisa ser, necessariamente, uma análise do passado. Você pode utilizá-lo para já adiantar as análises para o futuro com relação às entradas e saídas.

Ao adicionar no fluxo de caixa gastos e recebimentos futuros, você já poderá ter uma noção de como estará a situação financeira da sua empresa em determinado período e, desta forma, decidir se será o momento de um grande investimento, ou se precisará realizar uma contenção de gastos, por exemplo.

Contas bancárias

É interessante separar entradas e saídas de acordo com as contas bancárias da sua empresa. Esta é mais uma forma de controlar o seu capital para possíveis ações. Você pode fazer uma análise geral do fluxo de caixa da empresa, e também fazê-lo por conta bancária.

Imovel Integrado

FAÇA SUA INSCRIÇÃOJunte-se a milhares de empreendedores como você. Faça parte da Lista VIP.