5 erros que sua imobiliária pode cometer e como evitá-los

Em um mercado que ostenta mudanças constantes e onde a busca por profissionais capacitados é cada vez mais exigente, uma imobiliária que deseja alcançar sucesso deve ficar muito atenta. Nesse cenário extremamente competitivo, pequenos deslizes cometidos em um processo de venda de imóvel podem ser mortais e enfraquecer a participação da imobiliária no mercado.

O comportamento inadequado dos corretores de sua equipe ou uma palavra mal empregada, entre outros fatores ao longo da relação com a clientela, podem ser a ruína da possibilidade de uma venda bem sucedida de um imóvel. Diante de tal situação, que tal ficar por dentro de alguns dos erros que sua imobiliária pode cometer, ficar mais alerta e evitá-los ou eliminá-los do seu atendimento? Continue a leitura!

Não (continuar a) prospectar mais clientes

A prospecção bem feita é uma das melhores maneiras de as imobiliárias encontrarem possíveis clientes, o que poderá trazer sucesso no fechamento de negócios nas semanas e meses seguintes aos estabelecimento dos relacionamentos.

Caso a imobiliária não faça o que for necessário para conquistar os melhores clientes para cada segmento de mercado, serão os concorrentes a encontrá-los e fechar as transações. Portanto, a imobiliária deve estar sempre pronta e disposta a encontrar novos clientes todos os dias, antes que a concorrência possa desenvolver um relacionamento com eles.

Não contar com um bom plano de marketing direto

Utilizar o marketing direto é algo essencial para conquistar mais clientes. Afinal, ele permite que a imobiliária alcance-os com frequência, sempre lembrando de seus perfis adequados e quais são os serviços que podem ser oferecidos na segmentação apropriada.

Para ter êxito, o marketing direto precisa de consistência e comprometimento. Então, quanto mais a imobiliária fizer marketing direto, mais chances haverá de um dos prospects procurar pelos serviços oferecidos.

Desistir no início do relacionamento

Esse é o maior deslize, e também o mais cometido pelas imobiliárias: desistir ainda no início do trabalho de prospecção. Para alcançar o sucesso na carreira de atuação, a prospecção e o marketing direto necessitam ser constantes. Caso a imobiliária se distraia e pare de pesquisar seu mercado e de nutrir os relacionamentos com os potenciais clientes — sem ser inoportuno —, as novas oportunidades se perdem e não se concretizarão.

O correto é que a empresa sustente as relações seguidamente, de preferência reservando um tempo especificamente para publicar ou enviar conteúdos bons e ricos e, também, para fazer contatos por telefone ou e-mail.

Falta de preparo

Um erro muito comum e bastante frustrante para os clientes. Quando o possível comprador procura por uma imobiliária, necessita de informações mais detalhadas sobre o imóvel e todo o processo de aquisição, fatores essenciais para potencializar o seu desejo de compra.

Se o time de corretores não for bem preparado e aquelas dúvidas não forem sanadas, será mais um motivo para que o cliente não tenha segurança no seu atendimento e confiança no seu pessoal. É essencial que a imobiliária constantemente transmita confiança e seriedade aos interessados.

Não manter contatos futuros com quem não fechou a compra

É de extrema importância que a imobiliária mantenha-se sempre acessível para os contatos de clientes. Quem não fechou negócio agora com a imobiliária pode fazer negócio no futuro, e até indicar seus serviços para seus parentes e amigos. Portanto, continue o relacionamento com quem (ainda) não realizou a compra com você.

E então, identificou algum desses erros que sua imobiliária pode cometer? Tem experiências sobre alguma das situações mencionadas? Outras dúvidas ou sugestões? Deixe seu comentário e entre para a conversa!


sobre-julio-cesar


 

 

FAÇA SUA INSCRIÇÃOJunte-se a milhares de empreendedores como você. Faça parte da Lista VIP.